Fórmula 1 – Fique por dentro

F1 é uma das mais prestigiadas séries de automobilismo do mundo. A partir de 2018, a Fórmula 1 chegou a uma nova fase, incluindo inovações no regulamento tecnológico, diferentes equipes, uma nova organização e um novo formato de comunicação.

Ao seguir o campeonato durante todo o ano e escrever sobre isso tudo aqui, decidi organizar o post de acordo com a origem e a temporada atual.

A história da Fórmula 1 – como surgiu o esporte e sua evolução ao longo do tempo

A fórmula 1 é uma das modalidades mais tradicionais do automobilismo. Os carros que nela participam são os mais velozes e poderosos que podem ser construídos por homens. É um esporte em que as empresas de fabricação de automóveis investem milhões de dólares para projetar os seus carros e mostrar o que podem fazer em uma corrida.

Mas o automobilismo tem uma grande história, com início na França no final do século XIX. Em 1794, Nicolas Cugnot inventou um veículo movido a fogo para transportar tropas e carga pesada. Mas essa invenção não foi bem-sucedida porque era inevitavelmente muito lenta.

Como passar dos tempos chegou nos Estados Unidos e Europa e, logo mais chegou ao Brasil. O primeiro grande evento no país foi realizado em 1925, na cidade de São Paulo.

A primeira prova de F1 realizada no Brasil teve seu início em 1972. Naquele ano foi realizada apenas uma etapa da temporada e os pilotos vencedores foram Emerson Fittipaldi e Ronnie Peterson. Em 1973 não houve corrida na América do Sul. Mas em 1974 aconteceu a primeira prova da temporada no Brasil: o GP do Brasil São Paulo-Interlagos (SP), onde novamente teve destaque o piloto brasileiro.

A F1 não é apenas um esporte, mas um evento com grandes dimensões. Com uma audiência global que ultrapassa os 500 milhões de pessoas por ano, é considerada uma das maiores marcas do planeta e hoje em dia até mesmo sua audiência televisiva supera alguns dos maiores campeonatos de futebol.

Quando se fala em F1, as primeiras imagens que vêm à mente são sempre as mesmas: as pistas e os carros da categoria. Mas também é importante lembrar que este é um esporte extremamente complexo, que envolve muitos elementos tecnológicos e financeiros para ser realizado.

A história da Fórmula 1 oficialmente começou em 1950, com a criação da primeira categoria de automobilismo mundial, reconhecida pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo).

A primeira corrida aconteceu em 1950 na Inglaterra, no circuito de Silverstone com 2.750 km, onde o piloto argentino Juan Manuel Fangio ficou com o primeiro lugar em seu Mercedes Benz W196.

Os grandes nomes e as equipes mais vencedoras

Os pilotos mais vencedores são Michael Schumacher e Lewis Hamilton (7 títulos cada um), Juan Manuel Fangio (5), Alain Prost (4) e Ayrton Senna (3).

O melhor piloto da atualidade é Lewis Hamilton. Britânico, nascido em 8 de janeiro de 1985.

Hamilton começou a carreira na Fórmula 1 em 2007. Já em 2008 tornou-se o piloto mais jovem a ser campeão do mundo da F1, e em 2020 igualou-se a Michael Schumacher em número de títulos na carreira.

No Brasil, os melhores pilotos brasileiros em destaque são: Ayrton Senna da Silva (3 títulos), Nelson Piquet (3) e Emerson Fittipaldi (2), acumulando juntos 8 títulos.

A equipe mais vencedora da F1 é a Ferrari, que possui 16 títulos mundiais em sua vitrine. A segunda colocada é a McLaren-Mercedes com 12 conquistas e a terceira posição está a Williams, com 9 títulos mundiais em sua história.

A temporada atual – 2022

A temporada atual teve início no GP de Bahrein, na Ásia e seria composta por 23 etapas, sendo que a do GP da Rússia foi retirada do calendário, devido ao conflito entre Rússia x Ucrânia, totalizando 22 etapas.

As equipes que têm o melhor desempenho em 2022 são: Red Bull, Ferrari, Mercedes e McLaren.

A equipe de F1 mais rápida em 2022 é a americana Haas F1 Team, que tem como piloto o dinamarquês Kevin Magnussen, atingindo a incrível grande marca dos 345,6 km/h no GP de Miami nos EUA.

O Brasil apesar de não ter nenhum piloto representando o país em 2022, sediou o GP de Interlagos no dia 13 de novembro, onde registrou-se como campeão da prova o piloto George Russell da equipe Mercedes.

Faz 13 anos que o Brasil registrou sua última vitória na F1, com o piloto Rubens Barrichello, no GP da Itália em 2009.

Max Verstappen (429 pontos) da equipe Red Bull é o grande campeão por antecedência da Temporada 2022, sem até mesmo disputar o GP final de Abu Dhabi.

O encerramento da temporada 2022 está programado para 20 de novembro, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

Para a temporada de 2023, está programada um total de 24 etapas que são inéditas na história do automobilismo.

Para quem é fã de Fórmula 1, não poderia ficar de fora desse passatempo que atrai tanto a atenção dos admiradores do esporte automobilístico. Se esta é uma modalidade para você, acelere junto e curta nosso post!  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.